Não é incomum que situações de estresse psicológico gerem reações orgânicas. Sob pressão no trabalho, com medo diante de algum perigo real ou imaginário, enfrentando uma prova de vestibular, as pessoas podem ter pressão arterial e seus batimentos cardíacos alterados, por exemplo. Sudorese é outra reação comum, assim como um descontrole intestinal, este em situações mais severas. Tremores, insônia, ansiedade e vários outros sintomas psicossomáticos são também frequentes.

O ex-presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, pode ser um caso interessante para se estudar isso. Ou, no mínimo, para ser citado como exemplo. Sua previsível derrota nas urnas em outubro serviram como gatilho para um mutismo – que talvez seja visto apenas como uma rara vontade de ficar calado, em alguém que sempre falou demais –, passando por erisipela, que é uma doença infecciosa que acomete em geral a área subcutânea das pernas, e chegando também aos seus intestinos. Ele adora dizer que esse último problema é decorrente de sequelas de um suposto atentado que teria sofrido, quando da primeira campanha eleitoral para presidente. Aquela famosa facada sem sangue.

A verdade é que ele, assim como foi um presidente exatamente oposto de tudo aquilo que se espera de um ocupante desse cargo, também no que se refere a isso deu um giro de 180 graus. Agora mesmo, tão logo houve uma forte reação no Brasil e no mundo contra mais uma das suas tentativas de orquestrar um golpe – me refiro aos fatos do domingo, 8 de janeiro –, ele enfrentou não uma esperada frouxidão intestinal, mas uma nova prisão de ventre. Não é a primeira, nem aquela que a maior parte do eleitorado e do povo brasileiro espera, na Papuda ou em Bangu. E lá foi para um hospital na Flórida. A informação foi confirmada em redes sociais pela ex-primeira-dama, Michelle. E saiu em sites, como o UOL. A questão é saber quem irá pagar a conta, porque a viagem saiu dos cofres públicos.

O homenzinho saiu do país sem transmitir o cargo para seu vice, mas foi levado para os Estados Unidos pelo avião presidencial. E com ele foram cinco “assistentes”, uma vez que a legislação permite isso. Quanto aos familiares, nenhuma informação. Chegou a Orlando por volta das 23 horas da sexta-feira, 30 de dezembro. No Diário Oficial, uma mentira impressa para a posteridade. Mais uma, na verdade: iria cumprir “agenda internacional”. Se hospedou numa casa de veraneio em condomínio fechado, na região turística de Kissimmee. Esta é a mesma onde estão localizados os parques temáticos Universal e Disney.

Os proprietários do imóvel, que tem oito quartos e até sala de cinema, são o ex-lutador de MMA, José Aldo, e sua esposa, a “influencer” Viviane Pereira Oliveira, conhecida como Vika. O nome dela consta na relação de pessoas que receberam o Auxílio Emergencial concedido pelo governo Bolsonaro, no auge da pandemia. Foram cinco parcelas de R$ 600,00 e mais três de R$ 300,00, entre maio e dezembro de 2020. Não se trata de nenhuma acusação sem fundamento, uma vez que esta informação está disponível para conferência de quem quiser fazer isso, no portal da transparência. Os valores da diária do aluguel do imóvel, se estiver sendo pago, começam em US$ 519 dólares, o que equivale a cerca de R$ 2.750,00 em valores arredondados. Bolsonaro informou que permaneceria por pelo menos 30 dias.

O condomínio tem piscina, quadras de tênis, academia e oferece ainda transporte gratuito para quem quiser ir aos parques citados antes. Entre suas regras está a proibição de automóveis ficarem estacionados nas ruas internas, o que tem sido desrespeitado pelo grupo liderado por Jair Bolsonaro, desde o primeiro dia. Isso já desagradou ocupantes de outras casas, que registraram reclamação. O que também deve estar incomodando muito o “mito” é que congressistas norte-americanos estariam sugerindo ao governo que “convidasse Bolsonaro a se retirar do país”, depois dos atos terroristas do domingo.

Antes da sua internação, que ocorreu nesta segunda-feira, segundo foi noticiado pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, o ex-presidente já tinha sido informado da invasão dos seus correligionários, em ação terrorista, perpetrada nas sedes dos poderes Legislativo, Judiciário e Executivo, em Brasília. Também soubera das intervenções determinadas por Lula e por Alexandre de Moraes, na segurança pública e no governo distrital, respectivamente. Uma terceira informação, que deve também ter chegado ao seu conhecimento, foi o imediato pedido por parte de alguns parlamentares norte-americanos, no sentido de que ele fosse convidado a se retirar do país. Esse somatório de circunstâncias parece ter sido determinante para bloquear, ao mesmo tempo, tanto as suas intenções golpistas quanto seu bolo fecal. Aguardemos pelos próximos boletins, tanto médicos quanto políticos.

11.01.2023

PIX: virtualidades.blog@gmail.com

Logo aqui abaixo você encontra um formulário para fazer doações, no qual pode decidir com quanto quer ou pode participar. Qualquer valor ajuda, sendo importante para a manutenção deste blog, que não é nada barata (e em dólares). Outra alternativa é usar a Chave PIX que está acima, junto à data desta postagem. Depois, tem o bônus musical, que hoje é Orange Juice (Suco de Laranja), com Melanie Martinez. Essa cantora estadunidense se tornou conhecida por suas canções de letras polêmicas. Mas também pelo seu estilo muito próprio, que mescla meiguice com obscuridade, além de um cabelo sempre pintado em duas cores. Na música escolhida ela refere outro problema, ligado à alimentação: a bulimia.

Uma vez
Mensal
Anualmente

FORMULÁRIO PARA DOAÇÕES

Selecione sua opção e confirme no botão verde abaixo.

Faça uma doação mensal

Faça uma doação anual

Escolha um valor

R$10,00
R$20,00
R$30,00
R$15,00
R$20,00
R$25,00
R$150,00
R$200,00
R$250,00

Ou insira uma quantia personalizada

R$

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Agradecemos sua contribuição.

Faça uma doaçãoDoar mensalmenteDoar anualmente

5 Comentários

        1. Filipa, minha querida! Lamento muito pela notícia. Meus mais sinceros sentimentos: farei uma oração por ela. Tente ficar bem, tanto quanto possível. Um fraterno abraço!

          Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s